Resenha

RESENHA DO FILME || MIRAGEM

Olá Nossos Devanienses!

 

Durante a Tormenta: Novo Filme Espanhol da Netflix - Tópico 42

 

Gostei mesmo do filme. Afinal ele queria mostrar algo completamente diferente. Queria mostrar quem era, na verdade, o Marido dela. Mostra que nunca devemos mudar o passado. Bem, eles tiveram várias hipoteses de verem qual seria o encaixe perfeito para a protagonista.

Porém, é bonito, ela escolhe a Filha em vez de concluir o curso.

Mudar o passado duma pessoa, evitar que ela morra, não muda apenas o futuro dela. Por exemplo, se uma pessoa porta-se mal, fica de castigo, não vai a um passeio e esse carro tem um despiste e todos morrem. Valeu a pena portar-se mal. O acto de escolherem por essa pessoa, não ir naquele carro em específico, fez com que a pessoa continuasse viva.

 

Durante a Tormenta (2018) - Netflix | Flixable

 

Outro exemplo, dizem que Angélico Vieira tinha um amor por uma loira e por isso a Namorada da altura não foi naquele carro. Hoje ele está morto e a Namorada está viva.

Há casais que nunca se iriam conhecer e “serem felizes para sempre” se não escolhessem o mesmo curso. Se não apanhassem aquele autocarro. Quando se muda um pormenor dum passado, muda-se muitos presentes.

Mas há vários pormenores que o filme quer mostrar que podem passar despercebido. Quem é, verdeiramente, o Marido, como já referi. Quem é o verdadeiro assassino. Que nem tudo que parece é.

Vou dar um spoiler, pois preciso mesmo de escrever isto: É muito mau ser preso no aniversário. Se não me engano, nem o bolo comeram. A Polícia entrou nesse preciso momento. É triste. Porém, sabendo passado e o resultado no presente, podemos contornar melhor. Por exemplo, o que o miúdo fez na terceira tentativa. Há terceira é de vez e não foi tratado como louco!

Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *