Texto Pessoal

DETESTO ESSA MANIA || TEXTO PESSOAL

Olá Nossos Devanienses!

Hoje colocarei aqui um texto pessoal.

Um dia na vida de Carolina nunca foi algo que alguém pudesse querer. Um dia na vida de Santiago pode ser algo que alguém pudesse desejar. Carolina e Santiago. Melhores amigos. Que mal-educada que sou, nem me apresentei. Sou a Carolina Lima, gosto em conhecer-vos. Querem saber porquê que ninguém queria ter um dia na minha vida? Porque a minha vida é uma mentira. Quem sabe a verdade, não a quer, nem dada, mas claro quem não sabe, inveja-me, talvez. Resumidamente: Sou considerada gira, popular, inteligente e namoro com o rapaz mais popular e giro da escola.
         Tenho amigas só de escola, não são amigas verdadeiras e eu sei disso. Eu não amo o meu namorado e o meu namorado não me ama. Eu tenho conhecimento disso. Dizemos, eu te amo, mas não é sentido, é só porque soa bem.
         O Santiago, o meu Santiago é diferente. A vida dele é verdadeira e só com ele sou eu própria. Se ele não existisse, não teria amigos verdadeiros. Ele conhece tudo de mim, sabe que não sou o que mostro na escola, ele sabe que choro todas as noites por causa desta mentira a que chamo de vida, ele sabe…
         O Santiago vive a vida em pleno, um rapaz rebelde que sonha ser… sonha ser feliz à sua maneira, seguir artes e revolucionar esse mundo. Ele é do tipo de pessoa que, por aparências, os meus queridos pais querem que me afaste sem entenderem que ele é que me salva da vida de mentira sem pedir mais nada em troca e eu dou-lhe a minha amizade. Não me importo que a mãe dele seja Empregada de Limpeza e que o pai dele seja Porteiro e ele não se importa que os meus pais sejam Diplomatas. Porque a amizade é a única coisa valorizada para nós os dois. Cada gargalhada vale mais do que um simples estatuto.
         Carolina Lima não é mais do que uma boneca de aparências criada pelo meio. Eu sou uma Boneca de Aparências Criada pela Sociedade. Estou farta da minha vida e hoje vou pegar na pistola que o meu pai tem no escritório e dizer adeus…
Beijinhos

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *