O Abre Olhos Das Bloggers

ANNA BARÃO || O ABRE OLHOS DAS BLOGGERS

Olá Nossos Queridos Devanienses ( E Querida Anna Barão )!

 

 

Parece que alguém é como eu. Quando eu era pequena ( mais pequena), tinha uns cinco anos, eu teimava com a minha Professora Sandra (professora do Colégio no primeiro e segundo anos) que o meu apelido não era Coelho, mas sim Coelha. Como assim? Sou uma mulher e tenho um apelido masculino? Está mal. E a Anna é exactamente igual. Disseram-lhe durante toda a vida que o apelido dela era Barão, mas Anna sabe que na verdade é Baronesa. Dai o seu blog se chamar Baroness. Brincadeirinha do bem, ok?

Em abono da verdade, tanto Barão como Baronesa são nomes giros. Simplesmente achei piada ao trocadilho. Dá um toque bem subtil ao blog. Fica com um toque diferente. Foi bem pensado, sem dúvida. Acho bastante piada a quem joga com o nome para fazer o blog. Por exemplo, a Jéssica Athayde colocou Jessy James. Eu acho simplesmente brilhante.

O Blog é clean e suave. Dá um ar de tranquilidade. Bem trabalhado e harmonioso.

Anna de vinte e quatro anos tem muitos sonhos pela frente e testemunha-nos esta aventura trabalhosa:

Eu comecei a escrever o meu blog há quase cinco anos porque queria ter um local só meu para poder desabafar o que estava a sentir naquele momento e desde então começou a ser uma paixão minha. Escrevo desde tópicos sobre beleza às receitas de comida. 

Para quem trabalha ou estuda nem sempre é fácil conseguir arranjar tempo para a escrita mas eu tento sempre arranjar um dia ou nem que sejam algumas horas para escrever um post de que me orgulhe e que outros possam ler e gostar.
No meu caso, como sou estudante, é me difícil experimentar produtos novos e arranjar experiências novas pois não só não tenho muito tempo disponível como não trabalhando não tenho posses para gastar para poder escrever as minhas opiniões. Se não se tiver parcerias e se conseguir ganhar dinheiro com o blog, dependendo do niche claro, ser blogger é complicado mas não é impossível. É preciso trabalhar imenso mas tudo é possível quando se gosta do que se faz.
Na minha opinião o mais gratificante de ser blogger é sentir que os leitores gostam do que escrevo e dão a sua opinião quer no blog quer nas redes sociais. Torna o que faço mais gratificante e dá prazer para continuar a escrever. Sendo 2018 penso que o conceito de alguém ser blogger já é mais aceite pela sociedade mas penso que ainda seja um tema bastante debatido. Na minha opinião é um hobby ou até mesmo um trabalho que pode despertar a criatividade de quem o faz e pode até mesmo ajudar no dia a dia.
Antes que as más línguas comecem, Anna quer dizer que não trabalha de forma tradicional. É só isso. Não comecem a distorcer, por gentileza.
Anna desenvolve mais o seu depoimento para esclarecer o assunto mais profundamente.
Nos dias em que sinto inspiração para escrever, preciso de ter a música certa e o ambiente certo. Encontrar o tópico que quero escrever para essa semana por vezes é uma luta mas quando sei o consigo alcançar, fico extremamente e feliz e sinto uma maior felicidade enquanto escrevo. Gosto sempre de inovar o meu blog, quer na aparência quer na forma como escrevo e procuro sempre alcançar mais. 
Normalmente gosto de tirar as fotografias que acompanham os meus posts durante o sábado quando posso e de escrever ao domingo. O acompanhamento fotográfico é bastante importante a meu ver pois, segundo o ditado, uma imagem vale mais que mil palavras e acredito muito nisso. Uma imagem fantástica pode dar outro aspecto ao post e ao blog em si.
No dia em que decido escrever tiro entre uma a duas horas e escrevo o que acho que complementa a imagem ou imagens no post e quando me sinto feliz com o resultado, guardo e agendo para o dia em que o quero pôr público. 
Escrever em duas línguas não é fácil mas acho que é uma ferramenta que não só ajuda no meu percurso linguístico mas também pode ajudar pessoas que não sabem ler português a entender a mensagem que quero transmitir através das minhas palavras. Quando sei que o meu trabalho foi lido no outro lado do mundo faz me sentir extremamente feliz porque sei que todo a alma e dedicação que dediquei foi correspondido por outra pessoa.
Anna escreve em duas línguas para chegar mais perto aos seus leitores. Vão continuar a dizer que não é trabalho? Vão continuar a dizer que não é uma profissão? Podem dizer, mas os factos falam por si.
Obrigada Anna pelo teu testemunho.
Beijinhos

 

 

4 thoughts on “ANNA BARÃO || O ABRE OLHOS DAS BLOGGERS

  1. Dou por mim a fazer o mesmo que a Anna 🙂 Embora nao me considere blogger de profissão pois para mim ser blogger é apenas um hobby 😉 A minha profissao é ser Mae de momento 😉
    Bjinhosss
    PS: em resposta a tua carta tal como eu existem muitas bloggers a minha idade, como a Marta do Dolce Far Niente, a Mia do M&A e a Catarina Beato, alias a “dita profissao” ja existe ha uns anitos largos 😉
    Bjinhosss
    https://matildeferreira.co.uk/

    1. Olaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
      O profissão muito fofa <3
      As cartas respondem-se em cartas <3
      Beijokitaz

Deixar uma resposta