Conta-me Como Foi

Joana Freitas || Conta-me Como Foi

Olá Nossos Queridos e Amorosos Devanienses (E Joana Freitas )!

 

Mais uma menina talentosa e maravilhosa aceitou participar no nosso Projecto. Agradeço já desde já. É tão linda! E onde é que eu a conheci? Num evento de Bloggers: Na inauguração da Loja Itstyle da Póvoa de Varzim. Muito linda e muito amorosa. Espalhamos os cartões de visita dela e os meus.

Foi um dia beautiful! E melhor de tudo: Ela tem uma juba linda!

 

Foto de Joana Freitas.

 

Uma belezinha! Uma belezinha que se esqueceu de mandar o anexo com o texto. Quase chorei. Era muito importante o anexo. Anda com muito trabalho, esta menina.

A menina tem muitas coisas maravilhosas que partilha com o seu público e agora vamos partilhar convosco.

 

Foto de Joana Freitas.

 

Foi uma boa escolha, nós sabemos. Nós gostamos de ser profissionais. As nossas escolhas são a dedo e especiais. Principalmente, especiais. Para partilhar o vosso testemunho para ajudar outras bloggers e youtubers, é só mandar um email para blog@devaneiosdemissl.com.

Todos os vossos testemunhos são especiais e podem ajudar outras pessoas. A tua vida e a tua experiência têm um poder especial.

Uma menina muito divertida e amorosa. Aliás, nós somos muito profissionais e, por isso mesmo, temos provas!

 

Foto de Joana Freitas.

 

A resposta do email dela, apesar de não ter o anexo, foi muito fofinha:

Olá linda,

Em anexo segue o texto que me pediste acerca do me percurso na blogosfera. Espero que gostes! Prepara-te porque mais parece o testamento de uma pessoa em fins de vida, ehehe.

Beijinhos e obrigada pela oportunidade!

Joana Freitas

Blogger atModa & Style

Facebook | Twitter |Instagram |Bloglovin’

 

A verdade é que é um bom material. É um exemplo de coragem e de saida da zona de conforto. Isto é a parte mais importante.

 

Foto de Joana Freitas.

 

Olá a todos os Devanienses!

Vamos lá começar pelo óbvio, que é pelo início, não é? Ora bem, o meu nome é Joana Freitas (para quem ainda não tenha reparado), tenho 21 anos, sou Matosinhense (embora já não viva lá há 2 anos). Estou neste momento a terminar um curso técnico em sistemas informáticos. Para o ano, se tudo correr como o esperado, entrarei na “dificuldade” (mais conhecida como Faculdade).

Iniciei-me na blogosfera em 2009, quando tinha 12 anos. Foi a 18 de abril que surgiu aquele que seria o primeiro post do blog. Na altura abri-o com uma prima e uma amiga nossa em comum. Mais tarde, entre saídas e entradas de outros membros, acabei por ficar sozinha com este projeto que me tem ensinado tanto. Quanto ao nome… Por decisão das 3, na altura, queríamos que o nome envolvesse a palavra “moda” e o símbolo “&”, influências do nosso duo favorito, Aly&Aj. Do nada, achei que a junção de “Moda”, “&” e “Style” funcionaria na perfeição. Como soou bem, assim ficou. Hoje em dia, tenho tentado explorar melhor o significado das palavras, desanexando-me um pouco da indústria da moda e explorando as áreas ligadas ao estilo (estilos de vida, por exemplo).

 

Foto de Joana Freitas.

 

Confesso que comecei o meu blog de forma muito ingénua e muito na desportiva. Sem grandes expectativas, fui fazendo sempre aquilo que mais gostei: comunicar. Com esse gosto, fui tentando procurar novas técnicas para aperfeiçoar os meus conhecimentos e tentar ser cada vez melhor naquilo que faço. Chegou a uma altura que isto de escrever online começou a ficar mais sério, tendo, por isso, passado a ser uma espécie de emprego em part-time. Aliás, passou a ser o cartão de visita do meu trabalho, pois promovo-o junto das pessoas que estão ao meu redor (e porque tenho, felizmente, amigos e familiares que estão a deixar passar a carreira de relações públicas ao lado).

Hoje em dia, fui-me “descolando” um pouco do conteúdo original do blog: a moda, as tendências e a beleza, embora elas não tenham desaparecido por completo. Pontualmente, gosto de publicar alguns artigos dentro da temática das viagens, poupanças, estilos de vida e até gastronomia, áreas que igualmente gosto e acho que são merecedoras de destaque junto das minhas leitoras.

Quanto ao sucesso, aprendi que isso é uma questão subjetiva: o que para uns é considerado sucesso, para outros não o é. Para mim, sucesso significa idealizar os meus sonhos, procurar as ferramentas e conhecimentos necessários para os concretizar e passar para a ação, tornando-os reais. E assim sendo, então considero-me bem-sucedida, pois faço aquilo que mais gosto: aprender e comunicar. Sim, porque a blogosfera não é só escrever, é, sobretudo, uma escola para se aprender inúmeras matérias: como comunicar corretamente, editar imagens, estabelecer contactos, conhecer novos pontos de vista sobre diversos assuntos, entre tantos outros.

 

Foto de Joana Freitas.

 

Por isso, só posso dizer que a minha passagem pela blogosfera está a ser para lá de prazerosa! Além de fazer o que gosto, consegui estabelecer novos contactos, fazer novas amizades que passaram para a realidade, ir a um programa de televisão em 2012 (quando tinha 15 anos) e aprender tantas coisas que, até então, eram desconhecidas para mim. A par de tudo isso, pontualmente vou sendo oradora em algumas iniciativas em âmbito escolar com vista ao empreendedorismo ou empoderamento pessoal, além de participar em algumas ações ligadas a essas temáticas com vista a adquirir novos conhecimentos.

E agora chegamos ao busílis da questão: quais são, afinal, os fatores para o sucesso? Como referi, o sucesso é, em primeiro lugar, uma questão subjetiva. Contudo, e para se conseguir alcançar aquilo que mais se quer, além de se ter motivação (que nem sempre é fácil), e trabalhar muito, muitas vezes mais do que se pensava, para se conseguir materializar o que está na nossa cabeça, contornando os eventuais obstáculos que possam surgir (sim, porque isto não é tudo linear, meus amigos!).

 

Foto de Joana Freitas.

 

Posto isto, resta-me prestar algumas notas finais: primeiro, sejam felizes e lutem por aquilo que mais desejam, pois sem essas duas ações não conseguem nada; segundo, obrigada a todos os que tiveram paciência para ler este artigo que, reconheço, mais parece um testamento de uma pessoa em final de vida – a culpa é da Miss L, que disse que podia escrever sem limites. Por isso, qualquer coisinha, já sabem, têm que ajustar contas com ela.

Beijinhos! E reflitam:

“A verdadeira motivação vem de realização, desenvolvimento pessoal, satisfação no trabalho e reconhecimento.” – Frederick Herzberg

 

Esperamos que o testemunho da Joana vos tenha ajudado. Quem sabe, comecem novos projectos na vossa vida após lerem estes testemunhos. Ficariamos bastante contentes. Tens um projecto no armário? Tira-o! Arrisca, nem que seja de forma ingénua. Começa e sai da tua zona de conforto. É super importante!

Gostarias de ser a próxima a deixar o teu testemunho que poderá ajudar outra pessoa? Sabes o que fazer! Sê especial para alguém!

Devemos colocar aqui uma anotação importante: a Joana trabalha com o Novo Acordo ao contrário de nós. O que quer dizer que nós não mudamos nada no trabalho dela, aceitamos. Se a Joana se sente confortável com o Novo Acordo, óptimo. É uma escolha dela e só dela. Não mudamos uma vírgula no que a Joana escreveu, porque não temos o direito de tirar a essência que ela criou. Com o Novo Acordo ou sem ele, a Joana respondeu positivamente ao nosso desafio. Agradecemos de coração o facto dela ter aceite e partilhado com vocês.

Beijinhos

 

Deixar uma resposta