Teorias ou Manias

INSPECTORES DA VIDA ALHEIA || TUDO SÃO DESCULPAS

O Salário Mínimo é a desculpa básica para tudo e é confundido com o Salário Máximo que nem tem definição.

Olá Nossos Devanienses!

 

 

Esta post é real com erros incluídos. O que mais me chamou a atenção foi a desculpa de sempre ” Pensem no Salário Mínimo Nacional”. Sim, porque como existe o Salário Mínimo todos têm de receber o Salário Mínimo, porque quem não recebe o Salário Mínimo é um absurdo e um desrespeito! “Ganham como no Estrangeiro”. É se querem mais do que o Salário Mínimo vão para o Estrangeiro. Aqui é uma vergonha ganhar mais. Olhem esses Apresentadores de Televisão. Um absurdo! O Salário Mínimo foi decretado e é o mesmo que o Salário Máximo. Se recebes mais, és um corrupto, um ladrão e um absurdo!

Tirando os erros, a pessoa em si, reclama, por causa da desculpa do Salário Mínimo Nacional, que é um absurdo ter recebido um orçamento de noventa, cem Euros por dia. UM ABSURDO! “PENSEM NO SALÁRIO MÍNIMO NACIONAL!”. Ninguém pensa nele e ele fica triste.

Queridinha, se não queres pagar pelo trabalho, não o peças. Difícil? Para ela é um absurdo pagar o devido valor por este trabalho tão necessário e perigoso, mas não acha absurdo pedir cento e setenta Euros por duas carpetes. Pode pedir o que quiser pelo que é seu. Se alguém estiver disposto a pagar, tudo bem. Exactamente como a outra pessoa pede o que acha junto pelo seu trabalho.

 

Resultado de imagem para Trolha

 

“Um Trolha ganha dois mil e novecentos Euros por mês?”, questionou ela, indignada. E se ganhar? És tu que vais gastar?

A qualidade paga-se. Os Impostos pagam-se e tudo mais. Não é absurdo coisa nenhuma. Não queres pagar pelo trabalho, não o peças. Simples, não é mesmo? Mas não deitem sempre as culpas no Salário Mínimo Nacional. Inovem. Vou-vos dar uma novidade: Não existe o Salário Máximo Nacional, logo podes lutar, se quiseres, para receberes mais. Não é fantástico?!

O Salário Mínimo Nacional não deve servir de desculpa para nada. Nada mesmo. Agora a exploração é para quem paga e não para quem recebe. Pronto, alguma coisa mudou. Depende da posição de quem critica, não é mesmo? Se tu pagas e criticas, a exploração é de quem recebe. Se tu recebes e criticas, a exploração é da parte de quem paga.

 

Resultado de imagem para Criticar

 

Absurdo é o facto de criticarem com desculpas. Ela pode pedir cento e setenta Euros por duas carpetes, mas o Profissional não pode pedir o que acha justo pelo trabalho que executa. Vai pagar algum Imposto pelo que vai receber, se receber, das carpetes? Pois…

Deixem de usar a desculpa do Salário Mínimo Nacional para desvalorizar o outro. Pensem antes…

Beijinhos

 

Teorias ou Manias

A VIDA DOS OUTROS || CRISTINA FERREIRA

Tudo que é alheio é mais importante…

Olá Nossos Devanienses ( E Cristina Ferreira) !

 

Resultado de imagem para cristina ferreira

 

Encontrei no Facebook uma notícia em que dizia que Cristina Ferreira afirmou que “Têm um processo em tribunal, porque não podem mostrar a minha casa.”. O que tem de mal lutar pelos seus direitos? Quantas pessoas fazem o que querem e ainda sobra tempo? Porque as pessoas não usam os seus direitos. Só a própria tem o direito de mostrar o que é seu e a quem autorizar.

Sendo uma notícia falsa ou não, o importante é comentar sobre a vida alheia. A TVI quando colocou esta notícia sabia muito bem qual iria ser a reacção da maioria. Reboliço, como diz o querido Felipe Neto. Não importa se é verdade ou não, mas sim falar mal da vida alheia.

Um dos comentários foi ” Esta também se deve achar!! Quer saber tudo dos outros mas não quer que se saiba nada da dela…”. Claro, ela não pode usar os seus direitos, toda a razão.

 

Resultado de imagem para cristina ferreira

 

“Também pouca gente tem uma casa como a dela, meio milhão de euros. Não é para toda a gente. É só para quem trabalha na TVI, não é para quem ganha 500 erros.”. Sim, a pessoa escreveu erros. A Cristina Ferreira luta para ter tudo que tem, mas ela é culpada por outras pessoas não lutarem como ela e estarem no Facebook a criticar o facto dela lutar, trabalhar e suar para ter o que tem.

Pior de tudo é que agora é moda comentar ” Você deve ser Professora de Português.” como se fosse o maior defeito do Mundo! A maioria das pessoas que criticam a vida alheia, normalmente escrevem mal. É um facto.

Devo referir um comentário muito importante “Como as criaturas são tão, mas tão invejosas. Está no País dela e é tão criticada só porque tem sucesso. É proíbido neste País ser-se bem sucedido, pelos vistos, só falta ser linchada na Praça Pública e estigmatizada até pela localização onde nasceu. Ainda bem que ela é inteligente e sensata e nunca escondeu as suas origens. Ao contrário de muitas que fazem-se passar por meninas de Cascais e do Estoril… É Saloia como dizem, mas estudou, tem cultura e mete muitas pseudo-finas que nem a própria Língua sabem escreve a um canto. Tratem-se! Vivam e deixem VIVER. Abaixo a ignorância, a tacanhez, etc.”. Parece que é proíbido trabalhar…

 

Resultado de imagem para cristina ferreira

 

“Quando apareceste ninguém te conhecia pudiam mostrar tudo agora tens o rei da barriga”. Foi mesmo assim que foi escrito. Não corrigimos. Só para verem o nível de quem crítica. “A saloira da malveira pensa que é importante. Estou a cagar para a casa dela.”. Também não está muito importada em escrever correctamente. É que fazem questão de escreverem tudo errado.

“É muito triste ver o despeito das mulheres contra outra que tem sucesso e trabalho para isso. Enfim…”. Infelizmente, é verdade.

“Eu fico triste é de saber e ver pessoas sem casa e a viverem em plena rua. Quanto a este assunto não me encomoda não tenho inveja.”. “Encomoda”? Claro, a Cristina Ferreira também tem culpa disto. Apontem.  “Se for a casa dos outros não há problema a dela é que não.”. Quanto mais mal escrito, menos valor tem. Qualquer pessoa tem direito à sua privacidade. Ponto final, parágrafo. “Se fosse um barraco pudia sse mostrar mas como é um casarão tem que ter privacidade a tvi só puxa a braza para a sua sardinha.”. É mesmo este o nível de quem crítica. Fizemos mesmo questão de não corrigir.

 

Resultado de imagem para cristina ferreira

 

“Quando acontece alguma coisa os jornalistas vao para as portas dos predios mostramas janelas tudo e nao pedem autorizacao e sao da T V I e so porque a Cristina ganha milhares de euros tem uma mansao enquanto trabalhadores da T V I. Devem ganhares pouco mais do que o ordenado minimo ja não podem mostra nada dela e so peneiras”. Esta pessoa, além de não querer escrever direito, sabe se têm ou não autorização. Achamos engraçado que o salário mínimo é argumento para tudo. As pessoas lutam para ganhar mais, devem ganhar. É o salário mínimo, não é o salário máximo!

“Ainda bem que ninguém é processado por dar erros de Português.”. Deveria ser crime!

“Esta mais a mania das grandezas.”. Claro, usa os seus direitos, mas ao que parece, não pode.

 

Resultado de imagem para cristina ferreira

 

“Subiste, mas podes descer. Ama o próximo.”. Desejar mal aos outros é tão natural. Trata-a por tu e diz para amar os outros, devem ser íntimas para saber se ela ama ou não.

Só chorando, pois dá mesmo vontade de chorar. Hoje em dia, como já referi. Só aprende quem quer. Só escreve mal quem quer. Ponto.

Por gentileza, acabem com esse prazer de falar mal dos outros e da vida alheia sem bases.

Assim não dá para evoluir…

Beijinhos