Saúde Mental

A TUA SAÚDE MENTAL || EM PRIMEIRO LUGAR

Olá Nossos Devanienses!

 

Saúde Mental, Bem-Estar, Psicologia, Mente

 

Quantas vezes já ouviste que a tua saúde mental deve estar sempre em primeiro lugar? Espero que em algum momento da tua vida tenhas ouvido isto. Espero que tenhas ouvi e digerido. Digerido com amor.

Este é o mês do Setembro Amarelo. O Setembro Amarela é a prevenção do suicídio. A cada dia isto é cada vez mais importante. Cada vez há mais pessoas que precisam de apoio para ser organizarem. Sim, organizarem mentalmente.

Chega a uma altura em que as pessoas entendem que o peso que têm às costas é demasiado pesado para o carregarem. Alguns conseguem dividir com muita terapia e outros vão ao limite. O que é o limite?, perguntarão.

O limite é o fim.  O fim total. O suicídio. Porquê que alguém se suicida? Porque não aguentam mais, por mim razões, e vão até ao fim. O fim deles próprios. Alguns têm apoio. Outros nem tanto. Pode uma pessoa com muito apoio suicidar-se? Pode. Pode-se sentir sozinho na multidão. Um sufoco. Por vezes, há quem ache que a solução de tudo é o fim. Depois do fim não há mais soluções. Não há terapia, não há apoio, não há nada.

Pensa primeiro em ti. Pensa em segundo lugar em ti. Pensa em terceiro lugar em ti. É difícil? Muito. Nada nos diz que a vida é fácil. A vida é uma selva. A Sociedade faz com que assim seja. Uma competição. Fomos educados assim. À pressão. Se tu explodes (dás o teu fim) as pessoas ficam surpreendidas. A grande bosta é essa. Tanta gente demasiado ocupada. Tanta gente a dizer que é uma fase. Não é.

Estás esgotado? Admite. Estás demasiado subcarregado? Admite. Não chegues ao limite.

A saúde mental é mais importante do que a física? Não, simplesmente continua desvalorizada. Há informações sobre? Há, mas muita gente foi educada de forma antiquada. Têm culpa? Não.

Muita gente ri-se num dia e mata-se no outro. Normalmente é assim. Uma capa. Quantas pessoas conheces que foi exactamente isto? O Actor Robin William. Um Actor de comédia. Muita gente pergunta-se como é possível, mas é tão típico. Enforcou-se. Acabou a sua vida e deixou-nos um legado cheio de riso. Ele tinha uma depressão severa.

Apoia quem está próximo de ti antes que seja tarde de mais. Para ti e para quem amas…

Beijinhos