Aniversário

PESSOAS INCONVENIENTES || O MEU ANIVERSÁRIO

Olá Nossos Devanienses!

 

Resultado de imagem para pessoas inconvenientes

 

Como sabem, no Sábado foi o meu aniversário. Acreditam que bloqueei umas trinta pessoas inconvenientes? Eu vou explicar. A quantidade nunca significou qualidade. É esse o ponto.

Vamos começar pelo básico do Facebook. Eu detesto essa Rede Social, só a tenho por causa da minha Fan Page de trabalho. Preciso de ter um perfil para ter a Fan Page. O mais básico do Facebook é: Tu tens pessoas adicionadas ao teu perfil, não são teus Amigos. É impossível ter cinco mil Amigos. Não banalizem a palavra Amigo, por gentileza. Eu tenho quase duzentas pessoas que me fizeram um pedido de adicionamento. Entenderam o básico? Óptimo.

Então, se não és meu Amigo, Familiar, Colega em geral, não acompanhas o meu trabalha, nem meus Clientes, nem nunca na vida falaste comigo, porquê que me vais dar os parabéns? Não faz sentido! Houve um que me disse que era meu Amigo, como se eu não soubesse pelos dedos quem são os meus Amigos. Foi um dos que bloqueei. Não fazes sentido mandares do nada uns “Parabéns” vazios, não acrescentas nada ao dia dessa pessoa.

 

Imagem relacionada

 

Sempre que recebia uma dessas mensagens inconvenientes, mandava copy e past: “Acha mesmo que cancelei os comentários para ser incomodada por mensagem? Falta de bom senso e respeito.”. Vou dizer o quê? “Estava mesmo à espera de si que nunca me falou na vida. Grata por me incomodar.”. Não! Fui sincera. Está a ocupar o tempo de outra pessoa. Não tem sentimento nenhum. O quê que o meu dia lhe faz diferença? Nada.

Eu já perdi o aniversário de pessoas que gosto, porque não ligo a essa notificação. Depois lembro-me quando é tarde. Não faz diferença se não conheço a pessoa. Vou incomoda-la? Não, é o dia dela. Deixem-na receber de Amigos, Familiares, Colegas, pessoas que acompanham o trabalho da pessoa, Clientes, pessoas próximas delas, pessoas que fazem diferença no dia dela. Entendem? Eu prefiro a mensagem dum Amigo do que cinquenta desconhecidos.

Qualquer dia só vou receber de quem me interessa, nem que bloqueei todos os inconvenientes. Há dois tipos de inconvenientes: Os que entendem o que fizeram e não mandam mais nada e os que se justificam de forma ainda mais mal educada e eu bloqueio. Não tenho paciência. Não vou mentir. Não vou ser falsa. Não vou ser hipócrita.

 

Resultado de imagem para pessoas inconvenientes

 

E houveram duas que não entenderam. Uma delas até disse que não se lembrava de ter bloqueado os meus comentários e de eu ter cancelado alguma coisa com ela. É preciso uma paciência. 

Outra mandou-me um desconto, não sei de quê, bloqueei. Tentarem-me tornar consumista! Nem paguei o meu almoço, foi prenda de anos. Uma coisa era se eu já tivesse consumido e tivesse dado um bom feedback. Seria completamente diferente.

Irrita, de coração. Recebemos uma mensagem, pensamos que é de alguém importante para nós e é de alguém que nunca ouvimos falar do nome. Entendem o ponto? E bloqueei, pelo menos, duas pessoas que já tinha dito no ano passado que me estavam a incomodar. Não aprendem a bem, aprendem a mal. Se incomodam num ano, é meio óbvio que irão incomodar no outro. A culpa não é vossa, mas sim de quem vos educou para vocês acharem que era normal.

 

Imagem relacionada

 

Aprendam: Se a pessoa não vos conhece, essa mensagem não tem valor nem para vocês. É simples. Chama-se bom senso e educação.

Não vão acrescentar nada ao dia daquela pessoa, porquê que vão chatear? ‘Mas só disse “parabéns”‘. Ele só se incomodou, porque não lhe acrescenta nada ao seu dia. “Mas eu só dei um murro.”. É ele só caiu, porque se desequilibrou. A culpa nunca é de quem incomoda, a culpa nunca é de quem dá um murro. A pessoa pode receber um murro e continuar de pé. Se cair, a culpa não é de quem deu o murro. Se se incomodar com a mensagem vazia, a culpa não é de quem enviou. Estava a ser irónica, Francisca.

É como mandar um nude sem dizer nada antes. “Mas eu só mandei um nude.”. Mas tens alguma ligação com a pessoa? Não. Então, não mandes. SIMPLES. Ela em vez de estar a ler a tua mensagem vazia, pode ler dum Amigo, por exemplo.

 

Resultado de imagem para pessoas inconvenientes

 

Houve uma que respondeu assim “Você não me conhece de lado nenhum para saber se foi vazio de sentimentos ou não.”. Querida, se não nos conhecemos, é normal que seja vazio de sentimentos. É meio óbvio. Também é meio óbvio que foi bloqueada. Tu não conheces a pessoa, mas mandas com sentimento como se fosse para alguém que gostas muito. Faz todo o sentido. Não, não faz.

Cada personagem.

Se me mandassem: “Parabéns, Miss L.”, do nada, teria mais valor. É sinal que acompanha o meu trabalho. Entendem a diferença? Ou “Parabéns, Blogger.”. É de alguém que me acompanha e gosta do meu trabalho. Sentir-me-ia honrada. Teria bastante valor. Entendem a diferença. Um enche o coração, o outro ficamos “É mais chato do Facebook.”.

Em vez de mandares uma mensagem vazia a quem não conheces, usa esse tempo precioso e manda para alguém que gostes muito.

Por outras palavras, vou citar um site: ” É invasivo: não tem muita noção de intimidade e se acha melhor amigo de todo mundo – quando, na verdade, essas pessoas dariam tudo para você desaparecer por algum tempo, risos.”.

Beijinhos

Aniversário · Miss L

ANIVERSÁRIO || MISS L

Olá Nossos Devanienses!

 

Parece que vou completar mais um aniversário, mas só ao meio dia e dez! Quando eu andava no Colégio, uma pessoa deu-me os parabéns e eu disse que só fazia ao meio dia e dez e a pessoa esperou por essa hora e deu-me de novo. Foi uma pessoa muito fofa!

Quanto ao print, eu sou assim. Sou o cinzento. Foi ironia. Um ponto muito importante, se vais fazer uma surpresas, não digas. Eu tenho ansiedade. Me respeitem! Agora que estás ler, talvez eu já saiba qual é a surpresa. Espero.

Pena que esta menina é de Aveiro e mora lá. Sim, ser é diferente de morar. Nós somos de onde nascemos.

 

 

Estou a escrever este artigo e estou ansiosa pelo dia. O plano é comer sushi. O plano, mas veremos, não é mesmo? Eu comeria sushi todos os dias. Sushi é vida!

Parece que vou completar mais uma vez o meu aniversário. Por um lado é bom, por outro, estou cada vez mais perto dos trinta.

Como sou a Louca dos Signos, posso dizer que eu tenho o melhor Signo. Comer é vida! Dai eu ter falado, simplesmente, do sushi. Uma coisa valida a outra.

Espero que seja um bom dia. Que dê para sorrir. Que esteja sol. Mas que não esteja muito sol. Entre vinte e vinte e dois graus. Sem vento. Perfeito. Visto que, em principio, vamos de comboio, convém. Estou pedindo.

Como presente, sigam-nos no Instagram e Fan Page . Esperamos que, até ao final do ano, cheguemos aos 10K, porque, neste nível, temos direito de fazer a divulgação também nos stories.

Beijinhos

Aniversário

ANIVERSÁRIO DO BLOG || SETE ANOS

Olá Nossos Devanienses!

 

Resultado de imagem para Miss L

 

HOJE FAZEMOS SETE ANOS! Vamos passar pela crise dos sete anos. Mas vamos ultrapassar com a vossa ajuda, certo? Acreditamos que será um grande ano. O melhor ano. Um grande crescimento.

Estar sete anos na Blogosfera é maravilhoso. Maravilhoso, mesmo! Aprendemos muito. Crescemos muito. Temos muito para sermos gratas. Muito mesmo.

Este dia é muito especial. Não é todos os dias que se faz sete anos na Blogosfera.

 

Resultado de imagem para Miss L

 

Nem conseguimos acreditar que chegamos aqui. Foi tão, mas tão rápido.  Mas tão, mas tão bom.

GRATAS POR TUDO!

Beijinhos

Aniversário

ANIVERSÁRIO || MISS L

Olá Nossos Devanienses (E Para Mim, Miss L )!

 

 

Parece que hoje, ao meio-dia e dez, completo mais um ano de vida. Vinte anos, não é mesmo? Falta o Iva, claro. Só tenho de agradecer aos genes, não é mesmo? Se não fosse isso, parecia que tinha uns quarenta anos. Porém, em minha defesa, tenho usado tónico.

O tempo passa rápido, não é mesmo? Hoje, pelo que poderão acompanhar no Instagram, irei jantar um maravilhoso sushi e terei bolo. Bolo esse que será inspirado no meu chocolate favorito: After Eight.

Claro que comer e os presentes são as melhores partes, não é mesmo? Vou começar o dia a abrir a prenda da minha Madrinha. Já é tradição. Exactamente como no Natal. Guardo sempre uma prenda para a manhã do dia vinte e cinco de Dezembro.

Vocês conhecem-me. Vou ter uma prenda de mim para mim. Não seria eu se não fizesse isso. Também o faço no Natal. Pelo menos, sei que vou gostar.

Espero que o dia seja maravilhoso e o vosso também.

Beijinhos

Aniversário

Lista de Presentes || Falta Um Mês

Olá Nossos Devanienses (E Linda Lista De Presentes)!

 

 

Primeiramente, para quem não sabe, daqui a exactamente um mês, completo mais um ano. Esta menina linda ao meu lado, já completou recentemente. Eu gostei bastante desta fotografia. A parte boa de completar mais um ano são os presentes e a companhia. Defenitivamente, não vale a pena ser hipocrita neste tema. A melhor parte não é, de todo, completar mais uma ano. Não no meu caso.

Antes de mais nada, informo-vos que farei duas listas: as prendas que adorava receber e as que não gostava de receber. Sob o mesmo ponto de vista, é importante ter duas listas, visto que me acontece frequentemente pedir um presente e receber outro. Para quê que serve a lista?

Desde já, vou começar pelas prendas que gostaria de receber.

 

Resultado de imagem para Velas

 

Para quem não sabe, embora eu já tenha confessado aqui, adoro velas. Adoro de paixão. Porém, fico triste de me esquecer de usá-las. Em suma, é algo que eu adoro, adoro usar, adoro receber, mas esqueço-me de usar. É a vida.

Outra coisa que adoro são almofadas de decoração. Quando vou ao Jumbo fico fascinada com as almofadas que eles têm.

Seguidamente, adoro receber os meus chocolates favoritos: After Eight. Adoro, principalmente, da marca Pingo Doce e do Lidl. Não é de agora, mas de sempre.

No mesmo modo, adorava de paixão receber uma grande lasanha dum quilo só para mim. É tão bom, ter o nosso momento de comer uma lasanha inteira.

Géis de banho. Há kits maravilhosos e super amorosos. Vocês sabem que eu adoro!

Caixas de decoração. Dão sempre jeito para pessoas desorganizadas como eu.

Simultaneamente, adorava receber meias pequenas. Sim, estou completamente idosa e adoro receber meias pequenas.

 

Imagem relacionada

 

Meias deste tamanho, mas nunca deste modelo. Se me oferecerem, garanto que nunca irei usar. NUNCA! Nem para arranjar as unhas gosta de ter aquele separador de dedos. Faz-me muita, mas mesmo muita confusão.

Passemos para a lista do que eu não gostaria de receber. Imediatamente, devo dizer que se me oferecerem, vou ficar feliz por se lembrarem de mim, mas… prefiro a lista de cima.

Livros. É verdade. Eu amo livros. Eu amo ler. Porém, contudo, apesar disso, eu tenho uns quatrocentos livros e ainda não li metade. Tenho a sorte e o prazer de ter a parceria com a Chiado Editora que me envia todos os meses um livro para eu ler e dar a minha mais sincera opinião.

 

 

Esta é a minha prateleira dos livros não lidos. Faço-me entender? Muito obrigada.

Vernizes da Risqué. Eu detesto esta marca. Basicamente é esse o motivo.

Qualquer artigo da cor amarela. Eu detesto essa cor.

Sob o mesmo ponto de vista, adoro receber presentes. Dos mais simples aos mais complexos. Também adoro oferecer. Dos mais simples aos mais complexos. Definitivamente, o mais importante é o carinho com que se dá. Pequenas coisas, mesmo que não seja embrulhado, é muito bom de receber.

Beijinhos

 

 

 

 

 

Aniversário

Última Prenda Especial || Muito Amor

Olá Nossos Devanienses!

 

Como devem saber, o meu aniversário já foi faz bastante tempo. Esse facto, não impediu de uma pessoa muito especial para mim dar-me a prenda recentemente. E eu que pensava que a última pessoa que me ia dar tinha sido a K. Todas as prendinhas que recebi foram bem especiais, pois o importante é o amor com que se dá.  Nunca dêem por obrigação, isso sente-se. 

A minha I deu-me um spray de brilho para corpo e cabelo. Faz questão que eu brilhe mais e mais.

O outro produto foi um creme de olhos. 

Ambos os miminhos são fabulosos. Já ando a usar e deliciada com o spray. Junto com este spray a minha juba fica perfeita.

OBRIGADA DE CORAÇÃO!

Beijinhos

Aniversário

Texto Pessoal de Miss L || Alguma Vez Vamos Dar Certo?

Olá Nossos Devanienses!
Parece que hoje é o meu aniversário. Neste mês perfeito. Influente do melhor signo. Dezoito anos. Quem diria?
O que foi, Francisca? Não faço dezoito anos? Ninguém tem de saber. Dezoito, vinte, vinte e sete, trinta. O que importa? Só o espírito!
Para marcar este dia da melhor maneira, nada melhor do que um texto pessoal.
 

Imagem Retirada na Internet

Tinha uns 9 anos quando te conheci. Tornamo-nos amigos com o tempo. Nem sei porquê. Agora que penso nisso, até parece estranho.

Quando tinha quase 16 anos gostava de ti de maneira especial. Pensava que não teria qualquer hipótese. Porquê que teria? Tu tinhas acabado de fazer 27 anos.
Combinamos um jantar para comemorar o teu aniversário. Tinhas vindo ter comigo. Montijo era tão longe.
Nesse dia estava super nervosa. Para mim era um date e para ti um jantar de aniversário atrasado com uma simples amiga.
Fui para casa duma amiga com outra amiga. Precisava de apoio. Faltavam uma semana para fazer 16 anos e nunca tinha beijado ninguém. E ele já tinha 27 anos.Precisava de conselhos. Estava no sofá com elas, quando a anfitriã me beijou com um “pronto, é assim!”. Eu até escorreguei do sofá. Não estava mesmo à espera. Elas tinham 22 anos. A que me beijou era super descontraída e muito zen. Para ela a prática era o melhor ensinamentos. Já não estava tão nervosa. Fui com uma roupa que elas escolheram.
Rimo-nos imenso. Mais do que o habitual. Foi especial. Fomos para o apartamento que ele arrendou para aqueles dias para vermos um filme. ” Não penses que vamos ver um filme de terror!”, dizia ele sempre. Só queria mesmo a companhia.
Tomei coragem e, antes dele por play, disse que tinha de dizer uma coisa. “Mas e o filme?”, questionou a rir-se.
Olhei para as minhas mãos e disse que para mim era importante. Ele levantou-me o queixo e olhou-me nos olhos com uma questão: O que se passa, pequena?
Eu disse tudo. Disse mais do que devia, como sempre. Ele ficou inquieto. Quase me arrependi. Passamos o filme em silêncio.
Ele, que sempre ia ao meu aniversário, disse que não podia. Quis cancelar tudo e chorar. Tive o apoio das minhas amigas que me arranjaram e fomos ao jantar que tinham organizado para mim. ” Faz a tua própria felicidade, miúda. “, aconselhou-me a que me tinha beijado naquela tarde.
Quando íamos cantar os parabéns, ele apareceu. Calado. Eu fiquei mais branca do que já sou. Ele sorriu. Cantaram-me os parabéns. No final, ele pediu para falar comigo lá fora. As minhas amigas piscaram-me o olho como apoio.
” Sabes pequena, os nossos onze anos de diferença não abonam nada a nosso favor.”. Eu sabia disso. “Não precisas de dizer nada, a sério. Nem precisavas de ter vindo, se não querias.”. Eu ia voltar para dentro, triste. Ele agarrou-me no braço ” estás a perceber tudo erradamente.”. Eu fiquei sem reacção. “Mas temos de esperar que faças 18 anos. Dois longos anos a partir de hoje.”. Eu não tinha resposta. Eu não tinha palavras. Ficamos um mês sem falar. Ele voltou cá. Convidou-me para jantar. Quis recusar, mas as minhas amigas insistiam e até brincavam ” agora sabes beijar, aproveita.”.
Não dá para esperar dois anos. É muito tempo. E se ele encontra alguma mulher da idade dele? Não é nada difícil. Soube no jantar, desta vez no apartamento que ele arrendou, que ele pensava o mesmo. Ambos tenhamos medo de outra pessoa da mesma idade entrasse na vida um do outro.
Começamos a namorar. A distância não me fazia qualquer diferença, pois ele vinha cá regularmente. Ao fim de dois anos de namoro, amava aquela pessoa. Terminamos sem completar o quarto ano. Eu estava na faculdade. Mal notei a falta que fazia. Quando fiz 22 reatamos. Acabamos antes de eu fazer 23. Entrou a que ele chamava de melhor amiga em serviço. Ela estava desejosa por ficar com ele. Aos 24 namorei com um rapaz, mas no final, não passava dum imbecil, mulherengo que usava os textos para seduzir. Acabamos com um ano, mas continuavamos a estar juntos. No Carnaval antes de eu fazer 26 anos, cortamos de vez. Em Julho desse ano, voltámos sempre com a sombra da melhor amiga, a amiguinha como eu chamava. Ele disse que não passou de carência. Estava confuso. O Montijo deve ser a terra dos confusos. Aceitei que ele se tornar-se o meu ex-ex-ex-ex. Como dizia a minha amiga “foi por esse homem que aprendeste a beijar.”. Perto do Natal acabamos de novo. Pareciamos os protagonistas do ” Diário da Nossa Paixão ” sempre a sermos separados pela vida. A partir de Março nunca mais falamos. Ele foi único que verdadeiramente amei, mas tudo na vida mostra que não dá. Só me iludo. Fico feliz quando ele está, mas a minha amiga é que tem razão, sou eu que tenho de fazer a minha felicidade.
Ele vai e volta quando quer. No fundo, sempre lhe fez confusão a diferença de idades. Sempre. Sempre. Sempre. Onze anos para ele era um século. Só temos onze anos de diferença. É muito ou o importante o amor que une? Sim, o amor não é tudo. Tu provaste que não era tudo. Vais pedir de novo para voltarmos? Então lê este texto e pensa de novo. Não vou aceitar, por mais que te ame, que voltes a fazer da minha vida a tua montanha-russa. Queres alguém da tua idade? Fica com a tua amiguinha, que chamas de melhor amiga. Só falta mesmo salivar-se quando te vê. Eu não estou mais para esses filmes. Talvez ela aceite. Eu estou fora. Obrigada pelo que me ofereceres-te e até sempre.
Beijinhos
Aniversário

Lista de Desejos || Aniversário de 2017

Olá Nossos Devanienses!
Como vai essa alegria e felicidade? Como diz o outro “Sorrir é o melhor remédio!”.
O meu aniversário está quase a chegar e por isso, vou deixar aqui a minha lista de prendas
A lista é pequenina, mas com toda a importância devida. Dar com amor é o mais importante!
Gostaria de receber uma almofada do Cocó. Acho o coco muito fofo e amoroso. Visto que amo almofadas de decoração, mais uma coisa que gostaria de receber. Desta lista também faz parte um blazer vermelho, uma blusa vermelho-vinho sabrinhas vermelhas-vinho também.


Listagem
Imagem Retirada da Internet

Deve ser da idade, mas ultimamente acho mais confortável, os soutiens de desporto 
Meias pequenas também são importantes. Fiquei meia chateada porque não me deram no Natal, mas em compensação deram-me coisas super lindas. Para concluir um conjunto de perfume e perfume de corpo da Woman Secret.
Pequenina, mas não acho que precise de mais nada. 
Porém, tudo que é dado com amor, não importa se é da lista ou não, até mesmo se for amarelo, cor que não gosto.

Beijinhos